undefined

SEJA BEM-VINDO AO lagoinha.com

arrow_drop_down
arrow_drop_down
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça

Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça

Texto base: Mateus 5.6

Exposição do texto: estamos diante de mais uma bem-aventurança que descreve o crente que segue ao Senhor. Martyn Lloyd-Jones diz que poderíamos descrever a declaração contida nesta bem-aventurança, como: “A magna carta de toda a alma anelante, aquela notável afirmação do Evangelho cristão a todos quantos se sentem infelizes no tocante a si mesmos e no tocante ao seu estado espiritual, os quais também anseiam por uma nova ordem e por uma nova qualidade de vida, que até agora não puderam usufruir”. Ou seja, ter fome e sede de justiça é desejar ser como o homem descrito no Novo Testamento, o novo homem em Cristo Jesus, que anela por ser santo e ter mais da natureza de Deus em si.

Discussão: ter fome e sede de justiça é desejar ser livre do próprio eu, do pecado que nos separa de Deus. Nem todos que se dizem cristãos possuem a sede e fome de justiça, muitos caminham com sede e fome de bênçãos, dinheiro, bens e outras coisas. Você tem fome e sede de quê? Examine o seu coração.

Objetivo: Jesus diz que aqueles que têm fome e sede da justiça é que são felizes, porque serão saciados, ou seja, serão fartos daquilo que anseiam. Você consegue olhar para sua vida e dizer como o salmista: “A minha alma tem sede do Deus vivo”? (Salmo 42.2). Há sede e fome de justiça em sua alma?

Contexto: Jesus aponta para o fato de que ter fome e sede de justiça significa ter consciência de nossas mais profundas necessidades e de que é necessário prosseguir para o alvo até que elas sejam saciadas.

Conclusão: o profeta Oséias traduziu muito bem essa bem-aventurança quando disse: “Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor (...)” (Oséias 6.3), conhecer a Deus é o que preenche o vazio da nossa alma. A sede e fome que temos de justiça é contínua e para a vida toda e, em certa medida, seremos sim saciados, porém sempre anelaremos por mais de Deus em nós.

Aplicação: é o desejo de estar com Deus e se assemelhar a Ele que, sinceramente, direciona nossas atitudes e conduzem nossa vida como cristãos. Você tem uma vida comprometida em buscar ver formado em você uma pessoa parecida com Cristo?

Tudo o que acontece nos GC's da Lagoinha você assiste semanalmente no programa GC On-line, transmitido toda quinta-feira, às 20h, na Rede Super e na página da Lagoinha no YouTube.