arrow_drop_down
Notícia: "Elas" mostra como deve ser culto em casa

Notícia: "Elas" mostra como deve ser culto em casa

A pandemia da COVID-19 tem levado pessoas do mundo inteiro a mudarem seus hábitos. Famílias que antes mal tinham tempo para fazer uma refeição juntos, agora passam as 24 horas do dia no mesmo ambiente.

Muitas atividades são sugeridas para esse tempo em casa, mas uma é recomendada e preciosa para todos os membros da família, o culto doméstico.

Diante da nova realidade, o Ministério Elas, da Lagoinha, dá dicas de como deve ser esse momento em família:

"O culto em casa deve ser algo curto, objetivo, mas intencional, com o intuito de ADORAR a Deus. E com intuito de adoração cada um deve expressar sua GRATIDÃO, em forma de louvor ou oração.

Dependendo da idade, se forem crianças, façam encenações de histórias da Bíblia; se forem jovens, falem de versículos ou capítulos da Bíblia, e dessa Palavra tire ensinamentos.

Se puderem façam pequenos lembretes com o versículo lido, e ajude na memorização.

FAZER o discipulado com os FILHOS: Nem sempre melhores discipuladores dos filhos são os Pais, por quê? Porque há muitas interferências na comunicação entre Pai e Filhos.

O importante é que não seja um momento forçado, mas um tempo que ambos queiram estar JUNTOS!

Escolha um livro ou lições para cada dia. Aplique os princípios da Palavra de Deus ao cotidiano de seu filho.

PERMITA que seu filho se expresse e abra o seu coração.

Marque dia e horário para acontecer, e não esqueça de desligar o celular enquanto faz o discipulado. Também não permita que seu filho atenda ligações nesse tempo.

É Interessante que ESCREVA. A escrita ajuda na síntese e assimilação do que foi discutido. Não precisa ser nada GRANDE.

Pode ser: uma frase, uma aplicação, uma oração, um louvor que lembre o que foi discutido".

Então, o que está esperando para unir a sua família para adorar a Deus? Faça do tempo de crise, uma oportunidade de estreitar laços e aprimorar a harmonia no seu lar.


:: Comunicação Lagoinha

Foto: pexels.com